Se o comboio é o seu meio de transporte preferido, vai gostar de viajar pelo Douro como no início do século XX.

Neste reencontro com o passado, as estrelas dos percursos são carruagens e locomotivas a vapor e a diesel que, numa viagem a 30 km/h, são a memória do tempo em que asseguravam a ligação entre as localidades e ajudavam a fazer o escoamento do famoso Vinho do Porto.

Acompanhe o rio pela Linha do Douro, entre o Porto e o Pocinho, numa grande obra de engenharia que vence os acidentes naturais através de 26 túneis e 30 pontes.

O resultado é um percurso inesquecível por cenários de impressionante beleza natural e tranquilidade. Esteja atento às estações mais antigas. À Estação da Régua, que foi a mais importante da região, e à do Pinhão. É uma das mais bonitas do país, com fachadas decoradas de azulejos, retratando os trabalhos na vinha e as paisagens.

Pode fazer a Linha do Douro também em comboios regulares a partir do Porto, da centenária Estação de São Bento, ou combinar com programas de barco.

São perspectivas que se completam. Venha daí.