A Parques de Sintra inaugura a 25 de maio a exposição de arte contemporânea “Point of View”, no Parque da Pena. Esta exposição coletiva, site specific, com direção artística de Paulo Arraiano, reúne dez artistas de diferentes nacionalidades, reconhecidos internacionalmente: Alberto Carneiro (Portugal), Alexandre Farto/Vhils (Portugal), Antonio Bokel (Brasil), Bosco Sodi (México), Gabriela Albergaria (Portugal), João Paulo Serafim (Portugal), NeSpoon (Polónia), Nils-Udo (Alemanha), Paulo Arraiano (Portugal) e Stuart Ian Frost (Reino Unido).

O projeto pretende assinalar o bicentenário de D. Fernando II, o “rei-artista”, criador do Parque da Pena. Pretende-se enriquecer a experiência dos visitantes ao levá-los a “perderem-se” no Parque, explorando as suas diferentes perspetivas e “pontos de vista”. Desta forma, “a relação entre Homem e Natureza é sentida, numa total simbiose, tal como pretendia o rei D. Fernando II.

A exposição implica a criação de uma série de instalações específicas, estrategicamente colocadas em diferentes pontos do Parque da Pena, para as quais serão utilizados sobretudo materiais naturais existentes no próprio Parque.