Rota das Pedras Megalíticas

Alentejo - Évora
Site

Informação

Os monumentos megalíticos sempre nos intrigaram. Pelo seu significado sagrado, pelos rituais dos primeiros homens que evocam, e pela maneira como se descobrem na paisagem, sempre de forma enigmática. 

A partir de Évora viaje pela região e conheça os nossos monumentos megalíticos mais bem preservados. Em Pavia, há uma anta no meio da aldeia, transformada em capela, em honra a São Dinis. Um pouco mais longe, a Anta Grande do Zambujeiro, a maior que existe no território, preserva a forma mais primitiva destes monumentos à morte.

Cromeleques e Menires simbolizam o culto à vida e à fertilidade. O Cromeleque dos Almendres é o mais impressionante, por ser feito de 95 monólitos e pela envolvência de árvores e vegetação. Mais curioso é o do Xerez pois tem a invulgar forma de quadrado.

Já a caminho de Monsaraz, procure o menir do Outeiro. Vai ser fácil encontrá-lo na paisagem, pois a enorme pedra de granito tem cerca de 6 m. de altura. São homenagens à força da natureza a que, ainda hoje, ninguém fica indiferente.

Mapa

Experiências para a sua viagem

Temos várias experiências para uma visita única

ver mais
Alentejo

Cidade Online

Escolha o Idioma