Castro Verde

Beja

guia para visitar o concelho

Castro Verde

Castro Verde é uma lindíssima e histórica vila Alentejana, sede de concelho, situada no coração do chamado “Campo Branco”, por entre as planícies do Alentejo que encostam à serra do Caldeirão.

A sua essência é maioritariamente rural, e assim se tem mantido ao longo dos séculos, com campos cultivados e de pastagens a perder de vista, e antigas explorações de minérios que ajudaram a fixar populações desde cedo.

Castro Verde tem sido ocupada pelo homem desde tempos remotos, marcada pela presença de comunidades humanas que teriam na exploração mineira e na pastorícia as suas principais actividades. Encontram-se vestígios destas antigas ocupações por toda a região, como o famoso Silabário da Espanca (pedra gravada com caracteres de origem fenícia, dos séculos V e IV a.C., que terá servido como suporte para ensinar um dos mais antigos abecedários conhecidos na Europa), ou os achados do Castelo de Montel, ou mesmo o Castro de Castro Verde, provavelmente habitado durante a Idade do Ferro.

A ocupação Romana foi deveras importante para a região, mormente devido à proximidade do porto fluvial de Mértola e às minas de Aljustrel, como se pode observar em Santa Bárbara de Padrões e nos vários vestígios de “villas” romanas existentes por todo o concelho
Foi perto da vila de Castro Verde que, em 1139, se travou a lendária Batalha de Ourique, quando Dom Afonso Henriques derrotou os mouros e se tornou o primeiro Rei de Portugal.

O fervor religioso de Castro Verde está presente nos seus importantes monumentos, que demonstram igualmente a ascensão da agricultura e pecuária na região, como é visível na Basílica Real ou Igreja Matriz do século XVI, a Igreja das Chagas do Salvador (século. XVII), a Capela da Misericórdia e os muitos templos que se podem encontrar nas redondezas da vila, como a Igreja de São Miguel dos Gregórios e a Ermida de São Pedro das cabeças, entre muitos outros.
Vale a pena conhecer o interessante Museu da Lucerna com um importante espólio Romano, ou visitar o Centro de Educação Ambiental do Vale Gonçalinho que centra a sua atenção na avifauna local.

Vila bem Alentejana, conserva nas suas tradições parte da sua essência, como se pode observar nas suas peças típicas artesanais, como trabalhos de tecelagem, buínho e cerâmica.

Anualmente em Outubro realiza-se a Feira de Castro, de origens medievais, reunindo um grande número de visitantes e actividades.
Reservas
O Alojamento que procura está aqui!

Locais que pode visitar

pontos de interesse no concelho

Agenda e Lazer

Algumas sugestões para o seu lazer

Onde Dormir

Depois de passear por lugares fantásticos em Castro Verde, nada melhor que um merecido descanso...

ver mais

Outros Concelhos

Regiões de Portugal

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?

Encontre aqui o Alojamento ideal para si!

Cidade Online

Escolha o Idioma