Quantcast

Tomar

Santarém

guia para visitar o concelho

Tomar

Tomar é uma lindíssima cidade, sede de concelho, da região Centro do País, situada nas bonitas margens do rio Nabão, bem na lezíria Ribatejana, e uma das cidades históricas de Portugal, com tanto para contar e ver.

Esta é uma região ocupada pelo homem desde há longos tempos, apresentando o bonito vale do Nabão vestígios que recuam ao período paleolítico.
No local da actual Tomar já existiram as cidades romanas de “Nabantia” e “Sellium”.
Conquistada ao Mouros em 1147 pelo primeiro Rei Português, D. Afonso Henriques, foi então doada aos Templários em 1159. O Grão-Mestre desta Ordem, Dom Gualdim Pais, iniciou em 1160 a construção do Castelo e Convento que viriam a ser a sede dos Templários em Portugal, e posteriormente da Ordem de Cristo, e é hoje Património da Humanidade, classificado pela UNESCO.
Tomar era um dos bastiões de defesa do País, e uma localização defensiva privilegiada, que se desenvolveu e ganhou importância ao longo dos séculos.

No século XV, o Infante Dom Henrique (1394-1460) aumentou significativamente o tamanho da cidade, ao desviar o rio Nabão, permitindo drenar pântanos e prevenindo cheias.

Com a expulsão dos Judeus de Espanha em 1492, a cidade acolheu grande numero de artesãos, profissionais e mercadores refugiados, conferindo um novo desenvolvimento a toda a região, vitais mesmo para o sucesso dos Descobrimentos Portugueses. Vale a pena conhecer o Bairro Judeu e a ainda original Sinagoga.
Após a expulsão dos Judeus do território Luso, Tomar perde muita da sua força, contudo no século XVIII retoma-a, com a abertura da Real Fábrica por parte do Marquês de Pombal, com um inovador mecanismo hidráulico.

O Património de Tomar é riquíssimo, destacando-se monumentos como a Igreja de São João Baptista do século XV; as Igrejas de Nossa Senhora da Conceição (século XVI) e a de Santa Maria dos Olivais, de origens no século XIII, em tempos matriz de todas as igrejas dos domínios portugueses em África, na Ásia e na América; os Conventos de Santa Iria (onde diz a lenda foi martirizada a Santa Iria) e o de São Francisco do século XVII; a Ermida de São Gregório do século XVI; ou o importante Aqueduto dos Pegões construído no século XVI para abastecer o Convento de Cristo.
Muito mais há para ver e conhecer nesta encantadora cidade Templária, como o curioso Museu dos Fósforos, ou o Museu Luso-Hebraico, bem como o fantástico Parque do Mouchão, com jardins lindíssimos cruzados pelo rio Nabão, entre tantas outras atracções.

A tradicional Festa dos Tabuleiros, realizada cada quatro anos em Julho, durante três dias, é um dos chamarizes da cidade, reunindo um grande número de visitantes nacionais e estrangeiros, atraídos pela beleza e simbologia desta festividade. Esta festa popular de origem pagã caracteriza-se pelo desfile de mulheres com tabuleiros ornamentados de pão, espigas e flores sobre a cabeça, envergando bonitos trajes típicos. Paralelamente, realiza-se também o Cortejo dos Rapazes, o Cortejo do Mordomo, os Cortejos Parciais, as ruas ornamentadas pela população, os Arraiais e os Jogos Populares e a Pêza.
Reservas
O Alojamento que procura está aqui!

Explorar Tomar

sugestões para visitar no concelho

Locais que pode visitar

pontos de interesse no concelho

Agenda e Lazer

Algumas sugestões para o seu lazer

Onde Comer

Temos várias sugestões no concelho de Tomar onde poderá ter uma experiência gastronómica

ver mais

Onde Dormir

Depois de passear por lugares fantásticos em Tomar, nada melhor que um merecido descanso...

ver mais

Experiências para a sua viagem

Temos várias experiências para uma visita única

ver mais

Outros Concelhos

Regiões de Portugal

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?

Encontre aqui o Alojamento ideal para si!

Cidade Online

Escolha o Idioma