7.5

Entrincheirada em plena Serra do Caldeirão, a 30km de Loulé, e bem próxima de Salir, a Aldeia de Alte é considerada por muitos como a aldeia mais típica do Algarve.
A Ribeira de Alte percorre a localidade com a sua água fresca que se faz ouvir por toda a povoação, conferindo um ar fresco e puro à Aldeia de Alte. De facto, a água é ponto importante nesta Aldeia, onde ainda hoje nos deparamos com as Fontes Pequena e Grande, nascentes que durante séculos foram local de encontro das mulheres da aldeia que aí se deslocavam para encherem os cântaros de água e lavarem a roupa. Hoje é um local aprazível convidando a um bom piquenique e a umas horas de descanso em plena Serra algarvia, a 40km da solicitada Costa Algarvia.
Outrora uma aldeia de produção exclusivamente agrícola, reparte hoje a sua economia com a força da indústria Turística, mantendo o seu traço típico, mas já bem fornecida de serviços e comércio. Restauração, lojas de artesanato, onde os melhores produtos típicos da região aqui se comercializam, marcando a importância do fabrico manual com a produção regional, como é o caso da aguardente de medronho, hoje proibida, do mel, da olaria ou do queijo. No Polo Museológico do Esparto demonstram-se, por exemplo, os utensílios utilizados pelas mulheres e homens para transformar a planta em cordas.
Do património histórico de Alte fazem também parte a Igreja Matriz, do século XIII, e a Capela de São Luís.

Comentários

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?.
Encontre aqui o Alojamento ideal para si!