Igreja de São Tiago de Valadares

0.0

A Igreja de Valadares, classificada como Monumento de Interesse Público desde 2012, integra o percurso turístico-cultural da Rota do Românico. Edificada em finais do século XIII, talvez sobre um edifício anterior de que é testemunho o silhar [pedra] epigrafado com a data da Era 1226 (ano de 1188), a Igreja dedicada ao apóstolo São Tiago Maior tem uma só nave e capela-mor quadrangular, mais estreita e mais baixa. A fachada é encimada por campanário e o portal apresenta arquivolta exterior ligeiramente quebrada. O portal lateral sul é de traço semelhante. No lado norte destaca-se a cachorrada primitiva da Igreja que apresenta decoração característica do românico do Tâmega e Sousa. O interior, totalmente redefinido pelas intervenções barrocas, apresenta a tradicional cenografia da talha, a que se junta a pintura do teto abobadado da nave e o trabalho da capela-mor.

Aqui reside uma das mais originais descobertas da historiografia da arte: um conjunto de pinturas murais que apresenta cenas hagiográficas [vida dos santos] e da vida de Cristo. Estas pinturas, do século XV, foram provavelmente encomendadas por um dos abades desta Igreja, D. João Camelo de Sousa.

Comentários

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?.
Encontre aqui o Alojamento ideal para si!