7.6

Malveira, também conhecida por Malveira dos Bois, é uma bonita freguesia rural do concelho de Mafra, na região da grande Lisboa.

A freguesia está inserida numa região tradicionalmente agrícola, conhecida por “região saloia”, de terrenos férteis e longa história agrícola, que durante muitos anos abasteceu a grande metrópole Lisboeta com os produtos mais frescos da terra e do rio, proporcionando imensas paisagens bucólicas a todo o redor.
Assim, a Malveira desenvolveu-se bastante devido ao seu célebre Mercado semanal, todas as quintas-feiras, constituindo mesmo um dos maiores de todo o País, trazendo à freguesia um largo número de visitantes que aqui encontram os mais diversos artigos.

Com o desenvolvimento do mercado, paralelamente ao crescimento da grande área urbana da Capital Portuguesa, a Malveira tem visto a sua área crescer significativamente nas últimas décadas, com novas construções e infra-estruturas, muito auxiliadas pelas vias de comunicação rodo e ferroviárias, mantendo, não obstante, a sua feição rural de pacata localidade agrícola.

A nível Patrimonial destacam-se monumentos como a bonita Igreja de São Paulo, Ermida de Nossa Senhora dos Remédios e a próxima Capela rural de Santo António da Carrasqueira.
De destaque são os sete Moinhos de Santa Maria, que constituem já o símbolo da freguesia, começados a construir a partir do século XVIII, três dos quais ainda hoje em funcionamento, formando um rico Património rural de outros tempos que importa preservar.

Malveira é também conhecida pelas muito apreciadas “Trouxas da Malveira”, criadas por uma “saloia” que passou muitos anos no Convento de Odivelas e aprendeu os segredos da doçaria conventual, abrindo mais tarde um estabelecimento na Malveira de grande e doce sucesso.

Comentários

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?.
Encontre aqui o Alojamento ideal para si!