Região do Alentejo

Sobre a Região

A região do Alentejo, a maior de Portugal, é rica em paisagens, e apresenta realidades tão diferentes como as típicas Planícies, separadas por zonas montanhosas e serranas, uma bela costa com praias idílicas, notáveis cidades e pitorescas aldeias como que paradas no tempo.

A vasta região do Alentejo abrange a área dos municípios incluídos nos distritos de Beja, Évora; Portalegre, e determinadas áreas dos municípios de Santarém e Setúbal.
Região histórica, com imensos vestígios arqueológicos desde longínquos tempos pré-históricos, o Alentejo tem muito para contar, neste local onde impera a paz de espírito e tranquilidade.
As suas imensas planícies durante anos levaram a que se apelidasse a região de “celeiro de Portugal”, pelas condições propícias à cultura do trigo, da cevada, da aveia e do girassol, apesar de no seu subsolo se apresentar cobre, enxofre, mármore e pirite.

A sua feição agrícola contribui com as condições necessárias para a produção de um dos seus bens de excelência: o Vinho Alentejano.
A fama da Gastronomia Alentejana transpõe fronteiras, altamente apreciada, contando como ingrediente base o Pão (“celeiro de Portugal”…), acrescentando azeite de qualidade proveniente dos vastos campos de oliveiras e alho, formando então os típicos pratos de Ensopado de Borrego, Migas e Açorda. Acrescentam-se à mesa legumes frescos, e surge a Sopa de Gaspacho, enchidos da carne dos animais que povoam os pastos das vastas planícies, e, na zona costeira, peixes e mariscos de qualidade enchem as mesas. A Pastelaria é igualmente afamada e apreciada, maioritariamente influenciada pela doçaria conventual, herança religiosa dos muitos conventos e mosteiros, que em tempos foram símbolo de segurança, conhecimento, paz e serenidade histórica e cultural, em áreas tão desertas e isoladas. A doçaria conventual tem, por norma, como base ovos e açúcar, e assim a Pastelaria Alentejana soube sabiamente ao longo dos séculos aliar o saber conventual aos produtos regionais, como são exemplo a Sericáia (com ou sem ameixa), o Pão de Rala, o Toucinho do Céu, a Encharcada de Santa Clara (Évora), a Tiborna (Vila Viçosa), os Morgados, pastéis de Santa Clara, as Cavacas de Avis, as Boleimas (Castelo de Vide), entre tantos outros.

Reservas com as melhores tarifas

Região do Alentejo

3 distritos a visitar nesta Região e centenas de spots a não perder

Regiões