9.3

Torrão é uma bonita freguesia pertencente ao concelho de Alcácer do Sal, caracterizada pelo seu alvo casario simples encimado por grandes e rurais chaminés, situada numa região abençoada pela natureza de planícies sem fim.

Esta é uma região de antiga ocupação humana, desde tempos pré-históricos, como é visível na Anta do Torrão, no Monte da Tumba do período Calcolítico, e na existência de um templo e de uma ponte romanos nas imediações.
Para além do povoamento Romano, Torrão foi também habitado por Árabes até 1217, data da reconquista de Alcácer do Sal. Por esta altura o território foi entregue à Ordem de Santiago.
Em Torrão nasceu o grande escritor renascentista Português Bernardim Ribeiro.

O Torrão orgulha-se do seu interessante património, como a bonita Igreja Matriz com o magnífico Portal manuelino rendilhado e a curiosa figueira que nasceu no tecto; as Igrejas de Nossa Senhora do Bom Sucesso, do Carmo e da Misericórdia (século XV); a Capela de São João da Ponte do século XVI; a Igreja e Convento de São Francisco do século XVI, mas muito alterados ao longo do tempo; a Igreja e Convento de Nossa Senhora da Graça do século XVI; a Ermida de Nossa Senhora do Bom Sucesso; o bonito Palácio dos Viscondes do Torrão recentemente restaurado; a Ponte da Calçadinha Romana que se pensa datar do século V; ou mesmo as muitas Fontes existentes na região, como a Fonte Santa, a da Ponte, a do Poço de Cima ou a da Partina.

Torrão é também famosa pela produção do muito apreciado queijo de ovelha e das doces queijadas, possíveis devido às férteis pastagens onde pululam rebanhos de ovelhas que enriquecem a já bonita paisagem.

Bem próxima situa-se a bonita Barragem de Vale de Gaio, proporcionando condições propícias para a prática das mais variadas actividades de lazer, desporto e turismo.

Comentários

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?.
Encontre aqui o Alojamento ideal para si!