7.9

Valença do Minho é uma histórica povoação do Norte de Portugal, sede de município, localizada bem na fronteira com Espanha, por ela separada pelo bonito Rio Minho, e bem rodeada de muralhas no alto de uma colina, ostentando o seu longo cariz defensivo.

Valença foi de extrema importância no decorrer da Idade Média, no alto do Monte com uma vista privilegiada sobre a linha de fronteira, inúmeras vezes assediada pelo vizinho Espanhol, sendo igualmente local de passagem dos “Caminhos de Santiago”, que numa barca que partia do Cais de Valença, passavam o Rio Minho.

A cidade de Valência é dominada pela fortaleza de duas torres e muralha dupla, dos séculos XVII e XVIII, ao estilo do engenheiro e arquitecto militar francês Vauban, existindo ainda vestígios das muralhas anteriores. Na Fortaleza funciona hoje em dia uma das mais conceituadas Pousadas de Portugal: a pousada de São Teotónio.

Vários monumentos embelezam a vila de Valença, existindo na região várias casas brasonadas, solares minhotos e pequenos palacetes que demonstram o seu cariz de Vila fidalga, de importância económica desde cedo, como é o caso da quatrocentista Casa do Eirado, a Casa do Poço ou a bonita Quinta da Mota.
O fervor religioso está patente nas Igrejas da Misericórdia (século XVI), da Colegiada de Santo Estêvão (século XIII), na Matriz de Santa Maria dos Anjos (século XIII) ou nas Capelas Militar do Bom Jesus (século XVII), na de São Sebastião, na de Nossa Senhora da Saúde e na do Nosso Senhor dos Esquecidos. 

Valência reparte-se entre empedradas ruas estreitas que respiram história, onde um existe um afamado e concorrido comércio, nomeadamente de produtos artesanais, com diversas pequenas e típicas lojas de comércio tradicional, destacando-se trabalhos em ouro, linho, cerâmica e vime.

Comentários

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?.
Encontre aqui o Alojamento ideal para si!