10.0

A pacata vila do Alandroal, sede de concelho, ergue-se orgulhosa a 341 metros de altitude, em pleno Alentejo.

A presença humana na região data de tempos bem antigos, como o comprovam diversos monumentos megalíticos que ao longo dos tempos têm sido encontrados e preservados, como o povoado fortificado de Castelo Velho, o Menir da Pedra Alçada, o Santuário Rupestre da Rocha da Mina, ou mesmo a Villa Romana de Castelinhos.

As suas ruas de casario branco foram-se desenvolvendo em volta do Castelo, dominado pela Torre de Menagem, albergando no interior das suas muralhas a bela Igreja Matriz do século XVI. Fora das muralhas a património arquitectónico continua a deleitar, com a bonita Fonte Monumental do século XVII e XVIII, o central Pelourinho, a Igreja da Misericórdia e todo o ambiente calmo, pacato e tipicamente Alentejano que o Alandroal oferece.

Terra de tradições e costumes, mantém no artesanato uma das suas características muito próprias, com trabalhos de cortiça, madeira, pele e chifre, tradicionalmente feitos pelos pastores para uso doméstico, hoje em dia ameaçados pela industrialização e uso do plástico.

A Gastronomia é também um dos pontos fortes da região, com o Pão a ser o rei da mesa, com diversos pratos como ensopado, migas, açorda ou sopas.

Comentários

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?.
Encontre aqui o Alojamento ideal para si!