8.4

O castelo de Belver, foi construído no reinado de D. Sancho I, sob a orientação da Ordem dos Hospitalários, a quem o rei doou esta região, em 1194.

 

Este castelo estava inserido na linha defensiva do Tejo contra as investidas muçulmanas, desempenhando um papel importante neste contexto, mas também nas guerras da crise da sucessão, em 1383, a sua colocação estratégica foi relevante.

 

Depois desta guerra e da Guerra das Restauração da Independência, depois de 1640, há indicações de que as defesas do castelo foram reforçadas.

 

A importância e segurança do castelo parece ter levado o rei D. Sancho II a guardar nele os dinheiros do tesouro real e também terá servido como prisão para o poeta, Luís Vaz de Camões, durante a sua juventude.

 

O terramoto de 1755, provocou-lhe muitos danos, agravados pelo abandono nas décadas seguintes, voltando a sofrer mais destruição no terramoto de 1909.

 

Classificado como Monumento Nacional, em 1910, na década de 40, beneficiou de obras de reconstrução, da responsabilidade da Direcção-Geral dos Edifícios e Monumentos Nacionais e já em 2005 o IPPAR procedeu a obras de conservação e restauro.

 

Em bom estado de conservação, o castelo tem planta de formato oval, com a Torre de Menagem ao centro e uma capela renascentista, as muralhas são reforçadas por dois torreões.

Comentários

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?.
Encontre aqui o Alojamento ideal para si!