Castelo de Celorico da Beira

10.0

O castelo de Celorico, situado num maciço granítico sobre o rio Mondego, julga-se que teve uma primeira versão de fortificação, construída pelos romanos sobre um castro, habitado por povos desde a pré-história.

 

A ocupação árabe deste castelo, termina com a campanha de Reconquista Cristã da Península Ibérica, no reinado de D. Afonso Henriques, que o entregou à Ordem dos Templários.

 

Esteve envolvido em diversas contendas, por exemplo, no reinado de D. Sancho I, em 1198, foi cercado pelas forças de Afonso IX de Leão, é assaltado em 1385, pela forças de Castela, que também em 1762, o voltam a atacar.

 

Esta estrutura defensiva foi alvo de obras de reconstrução e reforço das defesas, nos reinados de D. Sancho II, D. Dinis, D. Fernando, D. Manuel I e durante a Guerra da Restauração da Independência, foi adaptada para a utilização de artilharia.

 

Ignorando a história vivida por estas pedras, foi a própria Câmara Municipal, que ao longo do século XIX, demoliu parte das muralhas e vendeu a pedra. Classificado como Monumento Nacional, teve obras de conservação e restauro ao longo do século XX, mantendo-se actualmente a chamada, Torre do Relógio e parte das muralhas do castelo.

Comentários

Já pensou onde quer ir na próxima viagem?.
Encontre aqui o Alojamento ideal para si!